Boa noite! Terça, 26/Set./2023

AGU notifica secretário de segurança de SP após post de apreensão de drogas com adesivo de Lula na embalagem

Sábado, 16 de Set. de 2023
Fonte: Redação Mais Tupã!

A Advocacia Geral da União (AGU) notificou o secretário de Segurança Pública de São Paulo, Guilherme Derrite, para que sejam retiradas de suas redes sociais imagens de uma apreensão de pacotes de maconha com a imagem do presidente Lula.

No documento, a AGU diz que “em suas redes sociais, por meio das postagens supramencionadas, o Secretário de Segurança do estado de São Paulo  vale-se de sua posição para dar publicidade à operação e à associação feita pelos traficantes (isto é, de que haveria endosso do mandatário do cargo de Presidente da República ao consumo e tráfico do entorpecente apreendido), ampliando substancialmente os prejuízos decorrentes do ilícito à imagem originalmente praticado por terceiros, e, assim, concorrendo para o seu agravamento”.

Derrite afirmou, na legenda da foto, que a droga foi apreendida com um casal em Euclides da Cunha Paulista. A dupla trazia a carga de maconha de Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul, para São Paulo, e tentou fugir durante a abordagem. Eles foram detidos quando o carro em que viajavam atolou em uma estrada de terra.

A PRISÃO

Polícia Militar prendeu o casal em flagrante por tráfico de drogas. O motorista e a passageira transportavam mais de 200 quilos de maconha, skank e haxixe em um carro, que ficou atolado em um lamaçal, em uma estrada de terra, quando ambos tentavam escapar da abordagem policial.

Os policiais receberam informações de que o carro trafegava em atitude suspeita pelas proximidades do distrito de Porto Primavera, em Rosana (SP), depararam-se com o veículo na altura do km 48 da Rodovia Arlindo Béttio (SP-613) e passaram a segui-lo.

No entanto, o motorista que dirigia o carro realizou uma manobra brusca de retorno e na tentativa de acessar uma estrada de terra acabou entrando em um lamaçal, onde o veículo ficou atolado.

Os policiais encontraram no porta-malas do carro, com placas de Guarulhos (SP), uma carga de drogas com 213,480 quilos de maconha, 7,260 quilos de skank e 300 gramas de haxixe.

Segundo a Polícia Militar, o motorista alegou que havia sido contratado em Sorocaba (SP) para buscar uma carga de drogas em Ponta Porã (MS) e que receberia a quantia de R$ 12 mil ao entregar os entorpecentes em São Paulo (SP).

LEIA TAMBÉM