Boa noite! Quarta, 29/Mai./2024

Moradora de Tupã presa nas manifestações de 08 de janeiro é solta pela Justiça

Terça, 8 de Ago. de 2023
Fonte: Redação e Fotos: Mais Tupã!

Há exatos 8 meses uma grande manifestação em Brasília resultou em mais de 1400 prisões, dentre os presos que teriam depredado o patrimônio público, e invadido os prédios do STF e o Palácio do Planalto estavam duas moradoras de Tupã. 

Desde então muitas discussões acerca dos fatos e também da legalidade das prisões tem sido pautadas pela imprensa e por juristas em todo Brasil. É notório que alguns direitos fundamentais dos presos foram violados, como acompanhamos as dificuldades das defesas em terem, até acesso aos autos de prisão em flagrante. 

Nos últimos 8 meses as defesas das pessoas presas tem litigado com afinco, objetivando a liberdade das pessoas investigadas, mas a labuta tem sido árdua. 

Nesta terça-feira a redação do MT! foi informada que uma das tupãenses presas foi colocada em liberdade, devendo cumprir algumas medidas substitutivas da pena privativa de liberdade, enquanto durar o processo. 

Juntamente com os demais presos em 8 de janeiro, a tupãense Rose responde pelos crimes de associação criminosa, abolição do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado e crime contra o patrimônio público tombado, todas essas acusações refutadas por sua defesa conduzida pela Advogado Victor Anuvale. 

Recebemos a decisão de Soltura da nossa cliente com bastante serenidade e felicidade. Ainda que tardiamente esta decisão vem reestabelecer o que é justo. Continuaremos lutando para provar a inocência de nossa cliente com bastante empenho. As vezes a justiça demora um pouco, mas quando chega é revigorante, e nos ensina a continuar confiando e acreditando que Deus faz milagres. Durante este tempo – é bom registrar – muitas pessoas procuravam este defensor para saber notícias da Rose, e, isso mostra o tanto que ela é querida em nossa cidade. É tempo de comemorar. Declarou o Advogado Victor Anuvale. 

Ainda de acordo com as informações obtidas pela redação do MT! a outra moradora de Tupã presa em 8 de janeiro permanece presa. 

LEIA TAMBÉM