Boa tarde! Sábado, 1/Out./2022

Bolsonaro é recebido por milhares de pessoas em Presidente Prudente

Quarta, 14 de Set. de 2022
Fonte: Redação Mais Tupã!

O presidente Jair Bolsonaro, candidato do PL à reeleição pediu a apoiadores nesta quarta-feira (14) mobilização para convencer pessoas que declaram voto em Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a mudar de posição pelo bem do Brasil.

O presidente discursou a apoiadores durante comício em de Presidente Prudente onde nossa equipe esteve acompanhando a agenda do Presidente.

"Eu peço a todos vocês que compareçam às urnas, vá votar de verde e amarelo, convença as pessoas que estão do outro lado a vir para o nosso lado, que é o lado do bem, que é o lado da verdade, da prosperidade, da liberdade, é o lado que todos nós queremos", disse Bolsonaro.

"A luta não será fácil, ainda não está decidido. Vocês veem por aí um instituto de pesquisas que não tem qualquer credibilidade dando vitória para um bandido no primeiro turno. Nossa pesquisa é o Datapovo, é o sentimento de cada de vocês, o comparecimento nas urnas e o convencimento de quem está equivocado para nós continuarmos trilhando o futuro que interessa a cada um de nós", acrescentou.

No discurso, Bolsonaro voltou a defender sua política que facilitou o acesso da população à armas de fogo e munições como uma forma de defesa.

"Eu sempre digo. As ditaduras são precedidas de processo de desarmamento da população. Nós agimos de forma contrária. Povo armado jamais será escravizado. O povo tem o direito à legítima defesa", declarou.

 

Ele também defendeu a pauta conservadora, afirmando ser contra a legalização do aborto e das drogas.

"Começamos, cada vez mais, falando que o Brasil é laico. Mas o presidente é cristão. Um presidente que respeita seus policiais, seus militares. Um presidente que defende a família, a liberdade do seu povo. Um presidente que, cada vez mais, fala na legítima defesa, que não quer desarmar o seu povo, muito pelo contrário. Esperem acabar as eleições. Todos andarão dentro das quatro linhas da Constituição", afirmou.

O presidente reforçou ainda as críticas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), seu principal adversários na eleição.

Na agenda em Presidente Prudente, Bolsonaro estava acompanhado de Tarcísio Freitas, candidato do Republicanos ao governo de São Paulo; e de Marcos Pontes, candidato do PL ao Senado pelo estado.

Milhares de pessoas estiveram reunidas no Parque do Povo em Presidente Prudente, mesmo debaixo de chuva a multidão, em sua maioria vestida de verde e amarelo, acompanhou todos os discursos.

O Prefeito de Prudente Ed Thomas também fez uso da palavra, mas foi fortemente vaiado por parte do público.

 

 

LEIA TAMBÉM