Boa noite! Quarta, 17/Ago./2022

Armando - Parte 2

Quarta, 29 de Jun. de 2022
Fonte: Armando Barraco

Olá amiguinhos!!! Tudo bem com vocês??? Eu avisei que eu voltava hoje!!! Como uma leitora bem lembrou nos comentários do meu singelo texto, e a acusação feita pelo Vereador MMarcos “piadista” Gasparetto ao coleguinha Israel “Feijão com Farinha” Veloso... Envolto em sua aura de imunidade parlamentar MM disse as mais diversas sandices, coisa que é comum quando ele vai na tribuna, mas dessa vez acusou o coleguinha de armar um esquema...

Vamos aos pontos factuais do “causo”... Segundo a mãe que representava uma associação de mães de crianças autistas, ela foi ameaçada pelo senhor MM no dia 06 de junho... Segundo a LEI  brasileira ela tem 180 dias, após o fato para registrar o boletim de ocorrência... SEIS meses! Além de supostamente ameaçar uma mulher nas dependências de um órgão público, por muitos chamado de a casa do povo, o Vereador ainda quis duvidar dos motivos da mãe, por ela ter registrado o boletim de ocorrência alguns dias após o fato...

As vezes o Vereador do alto de sua tribuna com imunidade, não consegue ver a lutas diárias de quem trabalha, cuida dos filhos e ainda tem que arrumar tempo pra ir em uma delegacia registar um fato grave, para resguardar a sua integridade física...

Para colocar a cereja no bolo ainda diz com todas as letras que um outro vereador teria levado a “denunciante” para a delegacia. Ainda que tivesse levado, isso não tem nada de errado, não tem nada de estranho, não tem nada de ilegal...

O que é estranho é alguém eleito pelo povo, não querer que o povo saiba o que acontece na “Casa do Povo”... Ou pior usar seu “Monte Olimpo” fictício para atacar esse ou aquele...

Em meio a tudo isso, como já disse anteriormente existe a indignação seletiva da “pré operatória” (Só quem manja do Jean Piaget vai entender) que diz numa sessão que defende as mulheres e na outra se cega para casos graves...

Segundo informações captadas pelo satélite do SRII, tecnológico Serviço Regional de Informações Internéticas, há rodando pela “deep web” fotos de uma certa vereadora filiando alunos a um certo partido comunista dentro de uma certa escola pública... Será que procede??? Será que podemos dizer que há um crime em curso???

Mas nem tudo são tristezas, tem um dos vereadores que está entre os “5 chorões” que já disse que não é favorável a censura... Já andou por ai “rodopiando” e dizendo que não vai assinar ofício nenhum pra dificultar o trabalho da imprensa...

E pelos lados do “Expresso do Oriente” mais um dos subsecretários tem tido que trabalhar dobrado, é o caso do chefe do trânsito da aldeia, Renato “Proerd” Gonzales, que além de repor as placas furtadas, tem que tirar as placas que surgem atrapalhando o fluxo do trânsito da aldeia...

 

Perguntas que não ofendem ou ofendem

 

- Por onde corre o Sidney?

- O casal festejou no fim de semana?

- Por que tem vereador com tanto medo da imprensa?

- O que foi dito na reunião secreta?

- Qual seria o teor do acordo?

- Quem invade propriedade privada é o quê?

- Qual será o próximo episódio?

LEIA TAMBÉM