Bom dia! Segunda, 27/Mai./2024

Força Tática prende indivíduo com arma de fogo após acidente de trânsito

Quarta, 24 de Mai. de 2023
Fonte: Redação e Fotos: Mais Tupã!

Na noite desta terça-feira, a Força Tática de Tupã, Sargento Fantes, Cabos Alan e Alex, recebeu informações cruciais do Soldado PM Mariotti, levando à apreensão de uma arma de fogo na Santa Casa (Centro). O rapaz, que estava bastante machucado, foi denunciado por uma enfermeira que, ao pegar um documento na bolsa do indivíduo, avistou um objeto prateado, aparentando ser uma arma de fogo.

Imediatamente, as autoridades deslocaram-se até o local para averiguar a situação. A enfermeira conduziu os policiais até o indivíduo, que, quando questionado sobre a possível arma de fogo, confessou ter uma pistola Taurus modelo PT92, calibre 9 milímetros, inoxidada, em sua bolsa. Além disso, durante a busca, foram encontrados dois carregadores municiados. Um dos carregadores continha 20 munições, outro tinha 17 munições, e uma munição solta também foi localizada, todas em perfeito estado.

O indivíduo afirmou residir na cidade de Birigui e que estava a caminho do cartório de Tupã quando sofreu um acidente de motocicleta. Posteriormente, ele tinha planos de visitar o clube de tiro da cidade. No entanto, ao entrar em contato com o clube, as autoridades foram informadas de que o estabelecimento estaria fechado para manutenção às segundas, terças e quartas-feiras até meio-dia.

Após realizar uma pesquisa criminal via COPOM, constatou-se que o indivíduo possui diversos registros criminais em várias bases de dados da Polícia Militar. No entanto, nenhum registro da arma de fogo em questão foi encontrado.

Diante das informações contraditórias sobre a vinda do indivíduo a Tupã e sua intenção de visitar o clube de tiro, que estava fechado para manutenção, e considerando o armazenamento inadequado da arma de fogo, em desacordo com as regulamentações e orientações da Guia de Trânsito, decidiu-se encaminhá-lo à Central de Polícia Judiciária.

Na CPJ, a ocorrência foi apresentada ao Delegado de plantão, que ratificou a voz de prisão ao indivíduo. Foi deliberada uma fiança no valor de dois salários mínimos, além da apreensão da arma de fogo, munições e carregadores. Caso a fiança não seja paga, o indivíduo será encaminhado para audiência de custódia posteriormente.

LEIA TAMBÉM